Você está em:
IMPRIMIR

Entrevista do presidente do PSDB Sindical, Rogério Fernandes

27 de março de 2012

Belo Horizonte – Março de 2012

[audio:https://psdb-mg.org.br/sitenovo/wp-content/uploads/2012/03/Entrevista-Rogerio-Fernandes-site.mp3|titles=Entrevista Rogerio Fernandes – site]

Expectativa do núcleo para atrair trabalhadores para o partido

Nosso grande objetivo, do PSDB Sindical, criado no ano passado, é aglutinar o movimento sindical, as entidades sindicais filiadas, em qualquer central sindical que seja para participar desse novo projeto do PSDB. Acreditamos que o PSDB deu uma contribuição enorme, no passado, nas políticas macroeconômicas, na questão social e, agora, no que diz respeito ao movimento sindical e aos trabalhadores. Por isso, estamos buscando trazer essas entidades para que os dirigentes dessas entidades possam se filiar ao PSDB para que possam discutir as questões trabalhistas, a pauta trabalhista que temos dentro do Congresso Nacional, como a Reforma da Previdência, o fim do fator previdenciário, a redução da jornada de trabalho. Enfim, diversos problemas que atingem os trabalhadores no dia a dia.

Atuação do PSDB Sindical em 2012

Estamos nos organizando, como foi dito, em diversos estados da federação.  O importante é que a gente cria uma musculatura maior no partido, que a gente possa crescer cada vez mais, que o PSDB Sindical possa fazer com que a organização se dê em nível nacional, e que esteja forte, sobretudo as regionais. Sejam fortes para discutir não só nas instâncias estaduais, mas nas instâncias municipais, os problemas que, eventualmente, estão passando todos os trabalhadores. E é importante também que o partido possa lançar, em 2012, vários candidatos às câmaras, às prefeituras, que estão ligados ao movimento sindical e aos movimentos sociais. Isso é muito importante para que a gente possa crescer no nosso partido, no nosso país. No dia 27 de abril de 2012 teremos um grande evento em São Paulo que é a criação nacional do PSDB Sindical; com a presença de grandes figuras do PSDB, como o senador Aécio Neves, o presidente Sérgio Guerra, nosso presidente estadual Marcus Pestana, o ex-governador de São Paulo, José Serra, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, para que a gente possa mostrar a todos esses integrantes do partido que o movimento sindical está organizado, está ativamente dentro do partido e fazendo com que possa crescer a cada dia, porque acreditamos que a construção se dá no dia a dia. E discutir com todos esses integrantes do partido a importância desse segmento dentro do partido. O gesto do governador Aécio Neves, logo quando assumiu a cadeira de senador, mostrou a necessidade para que o PSDB pudesse estar novamente integrado com os movimentos sociais e o movimento sindical. E é isto que queremos, estar integrados, mas discutindo os problemas que, eventualmente os trabalhadores passam no dia a dia.

Principais bandeiras

A principal bandeira do PSDB Sindical é discutir a pauta trabalhista dentro do partido. Sabemos que a bancada do PSDB é uma bancada muito forte dentro do Congresso Nacional, nas assembleias, nas câmaras municipais. Então, tudo que os trabalhadores passam no dia a dia, todas essas reivindicações, queremos discutir com o partido. Queremos que o partido tenha sensibilidade com os trabalhadores para que os problemas do dia a dia possam ser discutidos e levados a essas esferas para que a gente possa avançar e trazer melhor condições de vida, melhores condições de trabalho para essas pessoas. É isso que queremos do PSDB Sindical. Queremos fazer com que o partido ouça, também, a voz dos trabalhadores dentro do Congresso Nacional e dentro das suas esferas.

Importância da criação do PSDB Sindical

É importante a participação dos trabalhadores para que possam contribuir no que diz respeito à pauta trabalhista, aos problemas que ele vive no dia a dia no seu local de trabalho. Tudo isso é importante. Sabemos que as entidades sindicais são limitadas e que os grandes problemas que, hoje, passam todos os segmentos, todos os trabalhadores ,é no que diz respeito ao Congresso Nacional, assembleias legislativas e nas câmaras municipais. Por isso, a contribuição de todos os trabalhadores é fundamental para o partido. Para que a gente possa discutir com as lideranças do partido e, eventualmente, colocar em votação temas importantes para os trabalhadores. É fundamental que cada cidadão, que cada trabalhador, cada trabalhadora possa participar do PSDB Sindical, fortalecendo nosso partido, fortalecendo nossos braços nos municípios para discutir com os trabalhadores porque é aí que acontecem os problemas. É nos municípios que os trabalhadores vivem, onde estão elaborando, estão desenvolvendo suas atividades. Então, é fundamental que as lideranças do partido possam buscar essas lideranças sindicais para fazer crescer o nosso partido dentro do núcleo sindical para que a gente possa, cada vez mais, avançar nas políticas públicas de emprego e renda, no que diz respeito à saúde também, na educação. Queremos contribuir. Com controle social. Enfim, a cada momento queremos avançar juntamente com as lideranças municipais.