Você está em:
IMPRIMIR

Senado altera expressão que traz inovações na Lei Maria da Penha e PLC vai a plenário em regime de urgência

23 de agosto de 2017

maria-da-penha-lei

O Senado aprovou, nesta quarta-feira (23/8), a emenda ao projeto de lei complementar para alterar, no projeto, a expressão “mulher em situação de violência doméstica” por “vítima de violência doméstica”. O projeto traz inovações à Lei Maria da Penha e vai ao plenário em regime de urgência.

O texto acrescenta dispositivos à lei, que é de 7 de agosto de 2006, para dispor sobre o direito da vítima de violência doméstica de ter atendimento policial e pericial especializado, ininterrupto e prestado, preferencialmente, por servidores do sexo feminino, e dá outras providências.

Pela Lei Maria da Penha, a vítima de violência doméstica de ter atendimento policial e pericial especializado, ininterrupto e prestado, preferencialmente, por servidores do sexo feminino.

Fonte: PSDB Mulher