Você está em:
IMPRIMIR

Secretariado feminino do PSDB-MG na luta pelo empoderamento das mulheres mineiras

4 de agosto de 2016

Curso de formação política reuniu diversas mulheres na Casa de JK, em Belo Horizonte

Curso de formação política reuniu diversas mulheres na Casa de JK, em Belo Horizonte

Preocupação do PSDB Mulher é fornecer ferramentas para que tucanas ocupem mais espaço nas câmaras municipais e nas prefeituras mineiras

O empoderamento feminino é o principal objetivo do PSDB Mulher de Minas Gerais, que foi criado com a perspectiva de ampliar a participação das mulheres nos espaços de decisão e poder da sociedade. “As mulheres, que representam mais da metade do eleitorado, têm muito a contribuir para o país que a gente tanto almeja: justo, próspero, democrático e livre”, afirma a presidente do Secretariado, Gláucia Brandão. “Além disso, nós entendemos que a mulher tem competência, força, determinação e qualificação para ocupar esses espaços, juntamente com os homens”, acrescenta.

O desafio de ampliar a participação feminina e de buscar essa igualdade de oportunidades entre homens e mulheres na sociedade não é só do Brasil, ressalta Gláucia Brandão. “Foi por este motivo que a ONU colocou como um dos objetivos do desenvolvimento sustentável o alcance de igualdade de gênero”, lembrou.

O documento foi aprovado na Cúpula da ONU, em 2015, às vésperas da Sessão de Abertura da 70ª Assembleia Geral das Nações Unidas. A agenda é formada por 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), que devem ser implementados por todos os países do mundo até 2030. O quinto desses objetivos é a igualdade de gênero.

Acabar com todas as formas de discriminação contra todas as mulheres e meninas e garantir a participação plena e efetiva das mulheres e a igualdade de oportunidades para a liderança em todos os níveis de tomada de decisão na vida política, económica e pública, estão entre as medidas que devem ser implementadas pelas nações para conseguir direitos iguais entre homens e mulheres.

Cursos preparam mulheres para as eleições

mulher-curso

Ocupar cadeiras no legislativo e executivo, por exemplo, é um dos caminhos para conseguir influenciar as decisões políticas e promover a igualdade de gêneros. Neste sentido, reuniões e cursos de formação política estão sendo promovidos pelo PSDB Mulher nas diversas regiões do estado, especialmente agora, visando as eleições municipais de outubro.

“A comunicação eleitoral, que inclui o marketing e as redes sociais, será essencial para que candidatas e eleitores estabeleçam vínculos. E, mais que isso, fazer com que estes eleitores possam confiar na política como força da nossa democracia. Nossa preocupação, então, é fornecer ferramentas para que as tucanas tenham êxito no próximo pleito municipal ”, ressalta Gláucia.

Em junho, o primeiro curso de formação política foi realizado no auditório da Casa de JK, sede do PSDB-MG em Belo Horizonte. O treinamento reuniu pré-candidatas de todas as regiões do estado, que puderam assistir palestras e esclarecer dúvidas sobre os seguintes temas: planejamento, mídias sociais e eleições, estratégias de campanha e legislação eleitoral. Os assuntos foram abordados por especialistas, como o assessor jurídico do PSDB, Reginaldo Nunes; o diretor-executivo da ADA 7 Marketing, Adriano Delgado; e a ex-coordenadora de Políticas para Mulheres do Governo de Minas, Eliana Piola.

O curso de formação política foi encerrado com o “bate-bola” Onde não devemos errar!, que teve como convidada Anna Paola Frade Pimenta da Veiga.
Outros treinamentos estão previstos para as demais regiões do estado.

cartilha-mulher