Você está em:
IMPRIMIR

“Pobreza não é problema do pobre, é de todos nós”, afirma a educadora Wanda Engel

14 de junho de 2016

Filha de uma dona de casa e de um mecânico, Wanda Engel, doutora em educação, tem na própria história de vida o exemplo de que o acesso e o sucesso da educação de um país é o divisor de águas entre sociedades que formam cidadãos e aquelas que reproduzem aspirantes e marginais.

“Um menino na escola custa R$ 2.700 por ano. No sistema de infração, custa R$ 2.700 por mês. (…) O excluído que não for absorvido pelo desenvolvimento será o foco das políticas de assistência ou de segurança, ambas caríssimas”, afirma a educadora, que foi ministra da Assistência Social no governo Fernando Henrique Cardoso.

Wanda Engel atuou na estruturação e no desenvolvimento da rede de proteção social que deu origem ao programa Bolsa Família. Em entrevista ao Portal do ITV, ela apontou alguns “aperfeiçoamentos” necessários: rever o cadastro (que tem 50 milhões de beneficiários, quando o país tem 23 milhões de pobres) e definir um momento para a família, depois de alcançar certas metas, deixar programa.

Assista abaixo