Você está em:
IMPRIMIR

Péssimo exemplo

9 de dezembro de 2011

Em artigo, a presidente Nacional do PSDB-Mulher, Thelma de Oliveira comenta demissões de ministros no governo do PT

O ano de 2011 termina com uma péssima estatística para o país: em dez meses,  foram demitidos seis ministros de Estado acusados de corrupção! O sétimo parece estar a caminho, envolvido em tráfico de influência através de consultorias em que não aparece nem o serviço realizado!

É um número que pode até não ser inscrito no livro Guinness dos recordes, mas é uma vergonha que se espalha por todos os rincões brasileiros. O afastamento desses ministros ocorreu, é verdade, mas sempre por conta da enorme pressão da oposição, da mídia e da opinião pública.

A demora em afastar os envolvidos mostra a maneira como o governo Dilma Rousseff atua: prefere aguardar se a imprensa descobre novos e comprometedores fatos do que previamente tomar a iniciativa e demitir quem fez o “malfeito”.

O PSDB tem cumprido o seu papel, especialmente no Congresso Nacional, convocando os ministros, pedindo informações e explicações, mas, na maioria das vezes, o rolo compressor da chamada base governista impede esse trabalho – outro mau exemplo de que como o atual governo federal age.

Como fiscal do Executivo, as oposições e o Legislativo não podem ser manietados ou perseguidos pela eventual maioria governista. A lisura com os bens públicos, a aplicação correta dos recursos públicos e o respeito à opinião pública são fundamentais na atuação de um Governo.

 

Thelma de Oliveira – Presidente Nacional do PSDB Mulher