Você está em:
IMPRIMIR

Plano de Governo trará propostas para novos avanços sociais e econômicos

12 de julho de 2010

A regionalização dos programas do Estado e a ampliação da participação popular nas ações do governo são duas diretrizes da proposta de Plano de Governo do governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição pela coligação “Somos Minas Gerais”. Nesta segunda-feira, dia 12, o governador reuniu-se, em Belo Horizonte, com o coordenador da proposta que será apresentada aos mineiros durante a campanha eleitoral, o professor e sociólogo Cláudio Beato.

Claudio Beato explicou que a proposta de governo para os próximos quatro anos aprofundará nos avanços já conquistados nos últimos oito anos, durante a gestão de Aécio Neves, e que hoje são amplamente aprovados pelos mineiros. Segundo ele, dentro de cerca 40 dias, o novo programa estará integralmente concluído para avaliação dos eleitores.

“Os enormes avanços que Minas assistiu ao longo dos últimos anos, através do governador Aécio Neves, vão ser aprofundados. E só são possíveis agora porque os passos anteriores foram dados. Agora é possível você avançar. Esse passo só é possível porque já foi feita toda a reestruturação da máquina de governo, da estrutura gerencial”, afirmou.

 

Desenvolvimento social, econômico e político

A apresentação de diagnósticos e propostas para cada uma das regiões de Minas ocorrerá a partir de reuniões com os diferentes setores da sociedade, como sindicatos, produtores, empresariais e lideranças municipais. As 66 associações microrregionais terão participação fundamental no debate com a sociedade, pois são elas que receberão as demandas da população.

“É muito importante termos a percepção do que está ocorrendo em cada região do Estado. A ideia de que Minas são muitas de fato vai prevalecer no planejamento do governo. Vamos trabalhar com o desenvolvimento integral, com vários aspectos sociais, econômicos e políticos, para desenvolver cada uma das regiões do Estado de Minas para que o Estado como um todo possa avançar do ponto de vista do desenvolvimento integrado”, disse.

 
Segurança pública

Durante entrevista, Cláudio Beato, que é diretor do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), destacou os avanços do governo de Minas em áreas prioritárias como a segurança pública. Segundo ele, a estrutura de defesa social do Estado é hoje referência no país e em vários países. Desde 2006, o Governo de Minas destinou mais de R$ 25,8 bilhões em investimentos, resultando em mais policiais nas ruas com melhores condições de trabalho; sistema prisional mais amplo e eficiente; e redução histórica nos índices de criminalidade em todas as regiões do Estado.

“Minas tem hoje uma estrutura de defesa social que é considerada uma referência nacional e internacional. Todos vêm aqui para conhecer os diversos projetos que o governo de Minas desenvolve, seja do ponto de vista de controle de homicídios, seja do ponto de vista da gestão integrada das polícias, que é um grande problema. Minas conseguiu se tornar hoje um sucesso sobre como lidar com problema de segurança. Se a gente tivesse aí um pouco de apoio do governo federal, no sentido de avançar e dar as condições para você avançar e aprofundar ainda mais essa questão da integração e dos projetos de prevenção, certamente a gente avançaria muito mais”, disse.

Leia também
Transcrição da entrevista de Cláudio Beato

Ouça
Audio da Entrevista de Cláudio Beato


Veja

Matéria: Antonio Anastasia se reúne com coordenador da proposta de Programa de Governo, Cláudio Beato
Entrevista de Cláudio Beato, coordenador da proposta de Programa de Governo de Antonio Anastasia

 

Confira
Fotos