Você está em:
IMPRIMIR

Para entidade, medidas anunciadas pelo governo não são suficientes

28 de junho de 2012

A Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos) classificou as medidas do governo como insuficientes para reverter o processo de “desindustrialização silenciosa” que afeta a indústria de transformação no Brasil.

“Aplaudimos as medidas e as consideramos necessárias, mas não são suficientes para garantir o estímulo à cadeia da indústria de transformação”, disse Carlos Pastoriza, diretor da Abimaq.

Ontem, a associação divulgou novos dados. O consumo aparente atingiu R$ 10,9 bilhões para o mês de maio, crescimento de 24,4% sobre o mês de abril e de 16,1% sobre o mesmo mês do ano passado.
A recuperação, no entanto, tem ajudado as importações e não a produção local. As importações cresceram 26,8% de abril para maio, enquanto as exportações subiram só 4%. A ociosidade subiu para 25%. O setor já cortou 5.400 empregos desde outubro.
Fonte: Folha de S.Paulo