Você está em:
IMPRIMIR

Moradores de Santa Luzia destacam melhorias na educação e segurança

23 de julho de 2010

Os moradores de Santa Luzia atestaram os resultados alcançados nas áreas social e econômica dos investimentos feitos pelo Governo do Estado na cidade e na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). O recado foi dado durante a calorosa recepção preparada para o governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição pela coligação “Somos Minas Gerais”, que fez caminhada pelo centro comercial do bairro São Benedito, nesta sexta-feira, dia 23/07.

Antonio Anastasia foi recebido pelo vice-prefeito Agnaldo Campos (PSDB) e por 11 dos 13 vereadores da cidade. Mas um dos primeiros a cumprimentar o governador, logo na chegada, foi Alessandro Coelho, diretor da Escola Estadual Leonina Mourthe de Araújo, no bairro São Benedito. Ele contou que foi agradecer a liberação de R$ 1,5 milhão para a reforma completa da instituição. “Pudemos reformar o prédio, fazer uma quadra poliesportiva, abrir mais quatro salas e ter um moderno laboratório de informática” disse o educador.

Alessandro disse que a realidade da escola mudou após a reforma. “O aluno se sente mais valorizado e melhora a auto-estima. Conseqüentemente, o desempenho escolar melhorou muito. Nossas notas na última avaliação do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) subiram consideravelmente. Hoje, ela é uma escola de referência de qualidade em Santa Luzia”, destacou.

 

Segurança pública

Outro importante investimento feito pelo Governo de Minas e que os moradores de Santa Luzia sentem em seu dia-a-dia foi feito na segurança pública. Alguns bairros tinham grande índice de homicídios. Nos últimos anos, por meio do Governo do Estado, foi implantado um novo modelo de combate à criminalidade, com contratação de agentes, compra de equipamentos e, principalmente, adoção de programas de prevenção à criminalidade.

“Tínhamos aqui o famoso Palmital, que era uma vergonha, com índices grandes de homicídio. Um distrito policial funcionando como cadeia. Tudo desapareceu. Substituímos por novas unidades, fizemos a integração da polícia, avançamos demais. Mas é claro que, permanentemente, nossa responsabilidade é continuar avançado”, disse Antonio Anastasia.

O churrasqueiro Arlindo Gomes, conhecido como “Felipe”, está há 15 anos na mesma loja na avenida Brasília, em São Benedito. Após servir um espetinho ao governador Antonio Anastasia, ele se lembrou de tempos passados, quando, segundo ele, era difícil trabalhar no local. “Tinham muitos assaltos, muitos roubos no meio da rua. Todos os comerciantes reclamavam”, lembrou.

Hoje, segundo Felipe, o número de policiais nas ruas é visivelmente maior, o que “melhorou 90%. Não tem nem como comparar agora como o que já foi aqui”, afirmou.

 

Leia mais
Anastasia quer ampliar modelo eficiente de gestão integrada na Região Metropolitana de Belo Horizonte
Transcrição da entrevista do governador Antonio Anastasia

Confira
Galeria de fotos