Você está em:
IMPRIMIR

Lei das Startups atrai mais investimentos para o setor

16 de dezembro de 2021

A sanção da Lei nº 23.793/2021, de autoria do deputado Antonio Carlos Arantes, que prevê um marco legal para o desenvolvimento das startups mineiras, foi um grande avanço para o desenvolvimento digital em nosso Estado.

Foi com esse espírito que Arantes participou do encerramento do Demoday 2021, realizado pelo SeedMG e com o suporte da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico. Foi o último dia de seis meses de atividades envolvendo 59 startups de todo o Estado, com ações focadas em mentorias e apadrinhamentos, visando a evolução dessas empresas.

Ao final, foram captados em investimentos mais de R$ 5,2 milhões por essas empresas, por meio de investimentos, além da geração de mais de 400 empregos diretos. “Desde que eu comecei no estado, há 13 anos, o deputado Arantes está envolvido com o setor produtivo. É o homem da indústria, comércio, serviços e geração de empregos”, disse o secretário Fernando Passalio. “O deputado Arantes fez a Lei das Startups invadir o setor público. Ele teve a capacidade de ouvir especialistas para que pudesse criar um projeto que realmente fosse atender e ajudar a desenvolver as startups”, disse o subsecretário Felipe Attiê.

Em seu discurso Arantes fez questão de ressaltar a importância da grande gestão do Governador Romeu Zema, que depois que assumiu o Governo tem feito a diferença para encontrar novas formas para atração de investimentos e desenvolvimento de Minas Gerais.