Você está em:
IMPRIMIR

Bloco Transparência e Resultado pede coerência do governo federal com os municípios de Minas

10 de maio de 2011

Os deputados do Bloco  Transparência e Resultado da Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) estão solidários com os prefeitos que participaram, na tarde desta terça-feira (10/05), da 14ªMarcha  a Brasília em defesa dos Municípios e que lutam para que o governo do PT cumpra com os compromissos já empenhados com milhares de prefeituras de todo o  país.

 

O deputado Dalmo Ribeiro (PSDB) , vice-líder do governo na ALMG,   destacou que os prefeitos estão hoje com o pires na mão em Brasília, e que exige coerência do governo federal que  deixa Minas Gerais sem investimentos.

 

Como o governo Lula gastou mal nos últimos anos, agora são os municípios que começam a ser penalizados. Por causa do cancelamento dos restos a pagar pela União, só em Minas os municípios podem tomar calote de R$ 59,4 milhões da União, 80% das cidades mineiras terão projetos paralisados por causa do cancelamento dos empenhos. Projetos de infraestrutura serão prejudicados.

 

Dalmo Ribeiro salientou que “o senador Aécio Neves está afinado com as causas dos prefeitos ao apresentar proposta de emenda à Constituição (PEC) e um projeto de lei que garantam a recuperação de perdas financeiras dos municípios.  Na última campanha eleitoral,  o senador Aécio Neves, comprometeu-se a defender a causa municipalista e sua atuação no Senado Federal vem confirmando esse compromisso”.

 

Aécio Neves

 

“Essa marcha é mais uma bela oportunidade, não apenas para um gesto de fidalguia, de deferência da presidente, dos senhores ministros junto aos prefeitos, mas para incorporarem essa pauta ao governo. Quem sabe não é hora da base do governo federal atuar em favor das questões que sejam essenciais ao Brasil, e não apenas fazendo gestos de apoio permanente e alguns deles, me permitam, até de vassalagem, em relação ao governo. É hora da base tomar iniciativa, de defender os municípios brasileiros, independente de partidos políticos, independente de regiões onde eles estejam. Eles estão se fragilizando a cada dia”, disse o senador em entrevista após seu pronunciamento.

 

Em seu discurso de defesa do fortalecimento dos municípios, o senador elogiou a pauta de reivindicações do movimento municipalista e ressaltou que grande parte dos problemas pelos quais passa a população brasileira é conseqüência de a Federação praticamente ter desaparecido no Brasil. Para o governador, assegurar a justa repartição de recursos e responsabilidades entre a União, os estados e os municípios é a questão central que precisa ser enfrentada para se resgatar a Federação.

 

Fonte: Assessoria do Bloco Transparência e Resultados