Você está em:
IMPRIMIR

Anastasia implantará Zona de Desenvolvimento Regional em Pará de Minas

6 de setembro de 2010

O governador Antonio Anastasia, candidato à reeleição, afirmou nesta segunda-feira, dia 6, que, reeleito, aproveitará o potencial de Pará de Minas (Região Central) no agronegócio e a siderurgia para implantar no município uma das Zonas de Desenvolvimento Regional. A proposta, incluída no Plano de Governo de Anastasia que será lançado nesta semana, pretende descentralizar o crescimento econômico no Estado aproveitando as vocações e necessidades de cada região.

As Zonas de Desenvolvimento Regional terão incentivos para novas empresas, gerando mais empregos para a população. O governador participou de campanha em Pará de Minas, ao lado de Aécio Neves, candidato ao Senado, e de José Serra, candidato a presidente.

“Minas Gerais tem alguns eixos de desenvolvimento especiais, um deles é aqui nessa região, que deve receber agora mais estímulo do Estado, através da nossa proposta de Zonas de Desenvolvimento Regional. Certamente aqui, teremos um esforço maior, junto com os empresários locais, quer na área do agronegócio, que aqui é muito forte, como também na parte de siderurgia. Certamente, teremos aqui investimentos especiais”, afirmou Antonio Anastasia.

Para incentivar o desenvolvimento das Zonas de Desenvolvimento Regional, o governador pretende elaborar um programa que inclui concessão de incentivos fiscais especiais e linhas de crédito por meio do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG). A ideia é criar vantagens competitivas em cada região para as cadeias produtivas, aumentar a conectividade entre empresas e instituições, gerando mais negócios entre pequenos e médios empresários.
 

Melhoria da infraestrutura

A proposta para o Desenvolvimento Regional de Minas Gerais, incluída no Plano de Governo, prevê investimentos em todas as áreas. O governador Antonio Anastasia tem como meta, até 2014, a criação de 400 mil vagas no ensino profissionalizante, além de consolidar 200 hospitais regionais e implantar 15 novos Centros de comando e controle regionais que garantirão atendimento aos 853 municípios. As Unidades Básicas de Saúde serão reforçadas em 560 municípios e serão implantados 65 Centros de Atenção Especializada.

Para melhorar a infraestrutura regional serão asfaltados 7.600 km de rodovias, ligando os municípios mineiros por meio do programa Caminhos de Minas. O governador também pretende universalizar o serviço de abastecimento de água, coleta e tratamento dos esgotos nas cidades atendidas pela Copasa, além do manejo sustentável dos resíduos sólidos.
 

Festa em Pará de Minas

Antonio Anastasia, Aécio Neves e José Serra foram recebidos com muita festa em Pará de Minas. Os três participaram de carreata e caminharam pelas ruas do centro da cidade, onde foram recebidos calorosamente pelos moradores, dezenas de prefeitos e líderes políticos da cidade.

Do aeroporto eles seguiram em carreata até o Centro da cidade, onde eram aguardados por centenas de pessoas na Avenida Nova Serrana.  Muito aplaudidos, os candidatos pararam na Praça Melo Viana e, em cima de uma caminhonete, discursaram para a população. Da praça, Antonio Anastasia, Aécio Neves e José Serra se reuniram com ruralistas da região no Parque de Exposições.

Muitos moradores fizeram questão de tirar uma foto ao lado de Antonio Anastasia e Aécio Neves, como a estudante Juliana Marçal de Souza. “Antonio Anastasia é um excelente governador de Minas, como foi Aécio Neves. Foi no governo deles que recebi na escola, livros didáticos de português e matemática. Eles precisam ser eleitos para continuar as coisas boas”, disse a estudante.

A aposentada Helena Franco, de 83 anos, também fez questão de cumprimentar os candidatos e acabou ganhando um beijo do ex-governador Aécio Neves. “Os dois são formidáveis.  Sei que serão eleitos, porque são os melhores”.O ex-governador Aécio Neves afirmou que a receptividade de Antonio Anastasia no interior de Minas é maior a cada dia. Segundo ele, o sentimento dos mineiros é pela continuidade do excelente trabalho do Governo de Minas ao longo dos últimos oito anos.

“A eleição será decidida pelos mineiros a partir de Minas Gerais, do sentimento e da alma dos mineiros, e não por qualquer tipo de força, de intervenção de fora de Minas Gerais. A candidatura do governador Anastasia nasce e é gerada em solo mineiro, com base nos sentimentos maiores de Minas Gerais. Ela não é fruto de uma intervenção, de uma imposição. É por isso que ela está crescendo. Os mineiros, ao longo da história de quase três séculos, sempre foram muito ciosos da sua autonomia para que nós próprios escolhêssemos o nosso destino. É o que vai ocorrer mais uma vez”, falou Aécio Neves, em Pará de Minas.


Apoio dos prefeitos

O prefeito de Pará de Minas, Zezé Porfírio (PR), disse que não é por acaso que Minas Gerais cresceu mais do que o resto do país nos últimos anos. Para ele, a administração Aécio/Anastasia mostrou o que é governar priorizando os municípios, trabalhando com competência e honestidade.

“Minas Gerais foi o Estado que mais cresceu no Brasil, mais gerou empregos. O Governo de Minas abriu as portas para os prefeitos estarem falando direto com o governador. Aécio e Anastasia mostraram o que é governar, tanto que governadores de outros estados vieram aqui buscar o que é excelência em administrar. Minas tem que continuar andando para frente, não pode andar para trás. Por isso, Anastasia, pela sua competência, pela sua honestidade, pelo seu trabalho, é o mais indicado para governar um Estado com  o potencial de Minas”, completou o prefeito.

O prefeito de Igaratinga, Fábio Alves (PDT), afirmou que Antonio Anastasia tem os melhores projetos para Minas continuar desenvolvendo. “Apoiamos a candidatura do governador Antonio Anastasia à reeleição, porque sabemos que Minas precisa continuar no caminho que está e porque Antonio Anastasia tem os melhores projetos para Minas continuar crescendo”, disse Fábio Alves.
 

Mais investimentos

Nos últimos oito anos, Pará de Minas recebeu investimentos de R$ 116,9 milhões em dez projetos nos setores de transporte terrestre, têxtil, siderurgia, saneamento, químico, metalurgia, educação, calçados e couro e agroindústria. O investimento possibilitou a geração de 398 empregos diretos, garantindo mais oportunidades e renda para os moradores da cidade.

Convênios assinados entre a prefeitura e a Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas permitiram a realização de várias obras para melhorar a infraestrutura viária do município. Entre 2003 a 2009, foram firmados três convênios com a Prefeitura de Pará de Minas, que totalizam R$ 1,2 milhão para a realização de obras como calçamento de vias e pavimentação de vias urbanas. O governo Aécio/Anastasia também investiu R$ 65 milhões na recuperação de 411,8 quilômetros de rodovias, dentro do programa ProMG, melhorando as estradas estaduais da região.

Ouça 
Entrevista de José Serra e Aécio Neves 
Governador Antonio Anastasia criará Zonas de Desenvolvimento Regional para diminuir as desigualdades sociais

Leia
Transcrição da entrevista do governador Antonio Anastasia