Você está em:
IMPRIMIR

Presidente do ITV-MG, Pimenta da Veiga, lamenta morte de Sérgio Guerra

6 de março de 2014

O presidente do Instituto Teotônio Vilela de Minas Gerais (ITV-MG), Pimenta da Veiga, lamentou, nesta quinta-feira (06/03), a morte do presidente nacional do instituto, deputado federal Sérgio Guerra, ocorrido em São Paulo.

Pimenta da Veiga afirmou que o PSDB perde um grande dirigente e ele, pessoalmente, um grande amigo.

“O PSDB perdeu um grande dirigente. O Brasil perde a convivência com um grande homem público. Ele fará falta neste momento que requer equilíbrio, bom senso e coragem. Eu, pessoalmente, perdi um grande amigo.”

Sérgio Guerra assumiu o ITV, o órgão de estudos e formação política ligado ao PSDB, em maio do ano passado para o biênio 2013-2015, após passar a presidência do partido para o senador mineiro Aécio Neves.

Preocupação com a mobilidade urbana

Sergio Guerra, ao lado de Aécio Neves, na abertura do seminário sobre mobilidade urbana, uma de sua preocupações - Foto: George Gianni

Durante sua gestão no ITV, Guerra participou encontros regionais pelo país e contribuiu para a discussão de temas de interesse da população brasileira como a vida nas cidades brasileiras e a mobilidade urbana.

Em setembro, Sérgio Guerra conduziu o seminário Mobilidade Urbana: realidade e futuro nas cidades brasileiras, quando debateu com especialistas e lideranças políticas, as carências sociais, econômicas e estruturais que afligem os brasileiros.

“A mobilidade se transformou no principal problema da maioria dos municípios. O que transforma a vida nas cidades, são as condições humanas. É preciso que elas atendam as necessidades da população”, disse Sérgio Guerra.