Você está em:
IMPRIMIR

Ministra dos Direitos Humanos pede apoio de Legislativo na implementação de projetos da pasta

16 de fevereiro de 2017

Foto 2

A ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, visitou, nesta quarta-feira (15/02), o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, para pedir apoio do Legislativo para projetos que pretende implementar na pasta, recriada pelo presidente da República Michel Temer no início deste mês. A ministra afirmou que o principal destaque na conversa que teve com Aécio foi a situação dos refugiados. Luislinda ressalta que a questão é um problema mundial, e que o Brasil deve se engajar para amparar, principalmente, as crianças que vêm dos países em guerra.

“Nós estamos tentando montar um projeto para socorrermos estas crianças, que, na maioria das vezes, são órfãs. É um problema universal, e o Brasil não pode fugir disso. Quanto aos idosos, é também outra situação mundial. A população mundial está envelhecendo, e nós temos que dar oportunidade e condições de mobilidade para esta grande parcela da população”, destacou.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) estimava que, em 2016, existam cerca de 20 milhões de refugiados no mundo. De acordo com o Comitê Nacional para os Refugiados (CONARE) no Brasil, vivem atualmente no país mais de 8.800 refugiados de 79 diferentes nacionalidades, sendo as cinco maiores comunidades originárias, de Síria, Angola, Colômbia, República Democrática do Congo e Palestina.

Assista: