Você está em:
IMPRIMIR

Integração entre os segmentos do PSDB é destaque no Congresso da Juventude Tucana em Brasília

4 de julho de 2016

Luislinda Valois destacou que o PSDB precisa realizar uma limpeza no país

Luislinda Valois destacou que o PSDB precisa realizar uma limpeza no país

A noite de sexta-feira (1º/7) foi histórica para a Juventude do PSDB. Pela primeira vez, representantes de segmentos do partido – PSDB-Mulher, Tucanafro e Diversidade – se uniram aos jovens, no 2º Congresso Nacional da Juventude do PSDB, para debater sobre o futuro. Com o tema “Selfie – O retrato de uma juventude engajada”, o congresso reuniu centenas de militantes e caravanas de todos os estados do país. A comitiva de Minas Gerais foi composta de 30 jovens de todas as regiões do estado.

O presidente nacional do Juventude do PSDB, Henrique Vale, destacou a importância de manter uma conversa com os demais segmentos. “Precisamos de um partido mais diverso, mais plural e mais próximo da sociedade”, afirmou.

Primeira representante dos segmentos a falar, a secretária de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Ministério da Justiça e Cidadania, Luislinda Valois, destacou que o PSDB precisa realizar uma limpeza no país, reconstruindo a nação a partir dos escombros deixados pelas crises política, econômica e social.

“A nossa juventude negra está morrendo, sendo dizimada de uma forma muito cruel. Nós do PSDB precisamos incluir o negro. Trazê-los para junto de nós. E essa oportunidade está aqui”, disse.

A desembargadora conclamou os jovens presentes a não aceitarem o racismo e a discriminação, seja ela qual for. “O racismo e a corrupção matam a alma e destroem o nosso físico. Não aceitem nem um, nem outro. Quando alguém se apropria indevidamente do dinheiro público, mata todos nós. Não deixemos que a corrupção fique no nosso país. A vocês jovens cabe dizer não para esses dois crimes”, ressaltou.

Presidente nacional do Tucanafro, Juvenal Araújo, lembrou que as políticas de desconstrução da desigualdade racial no país se iniciaram no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso.

“O combate ao assassinato de jovens negros no Brasil é um compromisso do Tucanafro, do PSDB e será da juventude do nosso partido. A luta não é só do negro, ela é de todos nós”, acrescentou.

Representantes do PSDB-Mulher, Adriana Toledo e Jimmyana Rocha salientaram a importância do engajamento feminino na política. Correspondendo a 52% do eleitorado do país, as mulheres são minoria quando se fala em cargos públicos.

“O Brasil é o país onde a mulher menos participa da política na América do Sul. A gente precisa trabalhar a mulher e a questão de gênero na política brasileira. Somos a maioria do eleitorado, somos a maioria da população. Nós não queremos todas as cadeiras. Só queremos sentar na mesa”, considerou Adriana Toledo.

“As jovens serão o futuro do PSDB-Mulher. Tenham consciência de participar como 52% do eleitorado. Podemos sim andar lado a lado do homem. Não queremos andar na frente, nem andar atrás. Queremos andar lado a lado”, reiterou Jimmyana Rocha.

A presidente da Juventude do PSDB-GO, Ava Santiago, elogiou a iniciativa da JPSDB de promover um debate integrado entre os segmentos. “É fundamental que a juventude social democrata assuma o protagonismo, colocando negros para falarem sobre negros e mulheres falando sobre mulheres”, apontou.

Outro segmento que teve espaço no debate foi o Diversidade, cujo presidente nacional é Marcos Fernandes. “O PSDB sempre foi pioneiro nas políticas públicas. A diferença é que fazemos porque acreditamos que é assim que se muda o Brasil, e porque é assim que deve ser feito”, avaliou Fernandes.
Ao lado de Marcos Fernandes estava Edgar de Souza, prefeito da cidade de Lins (SP) e homossexual assumido. O tucano parabenizou os jovens pelo entusiasmo e pela ousadia em falar sobre a diversidade na política.

“O que me levou ao PSDB foi o sonho da social democracia. Acredito na social democracia como instrumento de transformação social. Fui acolhido pelo PSDB”, contou. Ele completou sua fala com um sonho: “que nós tucanos não tenhamos medo jamais de defender a liberdade, a igualdade e a diversidade”.

Leia também: Aécio pede à Juventude Tucana ampliar debate e defesa da ética na política

Clique AQUI e confira galeria de fotos do Congresso da Juventude do PSDB