Você está em:
IMPRIMIR

PSDB-Mulher é ouvido para mudanças no Estatuto, garante presidente de honra do segmento

1 de dezembro de 2017

A presidente de honra do PSDB-Mulher, a deputada federal Yeda Crusius (PSDB-RS), afirmou que a Executiva Nacional do partido levou em conta todas as considerações, apresentadas pelo segmento, para as propostas de mudanças do Estatuto da sigla.

“O que foi demonstrado é que essa questão de estatuto contém tudo aquilo que o PSDB queria falar”, disse a tucana, que participou da reunião da Executiva Nacional da legenda, na quinta-feira (30/11), em Brasília.

De acordo com Yeda Crusius, os dois aspectos principais são: que o PSDB-Mulher seja ouvido em todas as discussões pautadas pela legenda e a garantia do cumprimento da cota de 30% para as candidatas mulheres nas eleições de 2018.

“A questão dos 30% da cota será cobrado do partido. Muitos municípios estão perdendo vereadoras por causa de candidatas laranja em todos os partidos políticos”, disse a deputada federal.

As alterações devem ser aprovadas no sábado (09/12), quando haverá a Convenção Nacional do PSDB, em Brasília. Segundo Yeda Crusius, todos os pontos foram discutidos com efetiva participação dos filiados.

Fonte: PSDB-Mulher