Você está em:
IMPRIMIR

Terreno baldio é transformado em horta para reforçar cardápio da Cozinha Comunitária de Coronel Fabriciano

23 de março de 2017

Toda a produção da horta abastecer a Cozinha Comunitária, que faz 230 refeições por dia

Toda a produção da horta irá abastecer a Cozinha Comunitária, que faz 230 refeições por dia

PSDBnacidade2

Um terreno abandonado no bairro Jardim Primavera, em Coronel Fabriciano, que por anos foi invadido pelo mato e virou foco de insetos, vai se transformar numa grande horta para fornecer alimentos para a Cozinha Comunitária mantida pela prefeitura. A horta será implantada pela Secretaria de Obras e Limpeza Urbana e o início do plantio está previsto para o fim de março. Couve, alface, cebolinha, salsa, almeirão, taioba e outras hortaliças estão na lista de sementes adquiridas. Todos os produtos cultivados serão direcionados para a Cozinha Comunitária.

Em fevereiro, o terreno foi limpo e a terra preparada. Agora, os canteiros estão sendo construídos, bem como o sistema de irrigação. “Será uma ferramenta importante para o fortalecimento da Segurança Alimentar e Nutricional no Município’’, afirma Elaine Cristina Martins, Supervisora de Proteção Alimentar Nutricional,

Os cuidados com a horta ficarão sob responsabilidade de voluntários e da própria equipe da Cozinha Comunitária. A expectativa da prefeitura é de gerar uma economia de R$ 10 mil reais por ano com a produção própria de alimentos.

A Cozinha Comunitária é uma estratégia de combate à fome dentro das políticas municipais de assistência social, que tem recebido todo o incentivo e apoio do prefeito Marcos Vinícius (PSDB). O projeto tem como objetivo a segurança alimentar voltada para os mais carentes. Por dia, a cozinha faz 230 refeições destinadas à população em vulnerabilidade e risco social.