Você está em:
IMPRIMIR

Prefeitura de Governador Valadares premia profissionais da Atenção Primária por qualidade no atendimento

3 de agosto de 2017

{238DE57D-3D71-0D7C-86DD-CBBA11AAE665}_710X380

selogestaotucana

Como reconhecimento à qualidade e eficiência dos serviços prestados pelos profissionais de 35 equipes de servidores municipais da Atenção Primária que pontuaram por cumprir as metas dos indicadores, conforme o Decreto 10.452, de 30 de novembro de 2016. Os profissionais vão receber neste mês de agosto uma bonificação do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB).  Ao todo a Prefeitura vai direcionar e dividir entre 476 funcionários a quantia de R$ 936.330,36. As esquipes da Atenção Primária estão distribuídas no Núcleo de Apoio à Saúde da Família, Saúde Bucal e Estratégia Saúde da Família.

Esta avaliação tem como ponto principal avaliar o serviço público de saúde, diagnosticar o que está sendo realizado de bom, o que precisa melhorar ou dar continuidade. De acordo com a secretária adjunta da Saúde, Sheila Aparecida Ribeiro Furbino, para receber essa bonificação é preciso conseguir no mínimo 11 dos 20 pontos. Os critérios de avaliação contemplam 14 indicadores. Cada um corresponde a uma pontuação: avaliação externa (5 pontos), os de grupo e de Regularidade de Realização de Matriciamento e Projeto Terapêutico Singular (2 pontos) e os demais (1 ponto). “A equipe que mais se destacou foi a ESF CAIC I com a marca de 18 pontos. Os 8 profissionais, agente comunitário de saúde, enfermeiros e técnicos de enfermagem, vão dividir entre si o valor de R$ 3.063,24. E o valor mínimo é de R$ 1.871,98. O pagamento vai ser efetuado no pagamento do dia 10 de agosto”.

Dentre os indicadores que se destacaram podemos citar o de “Regularidade de Realização de Matriciamento e Projeto Terapêutico Singular” que é monitorado pela primeira vez. Ele propõe uma discussão individualizada e humanizada da situação de cada paciente por cada membro da equipe.

Outro ponto significativo foi o “Bolsa Família” que cumpriu parte da meta anual de 80%. Chegou a 41% na média de dezembro de 2016 a maio de 2017. Tem também o de escovação da saúde bucal e os grupos de atendimento oferecidos aos pacientes.

Estratégias Saúde da Família

O município conta com 59 equipes de Estratégias Saúde da Família (ESF’s) e 41 estão contratualizadas no PMAQ desde 2013. Durante o processo, gestores, equipes de saúde e os próprios usuários foram questionados quanto ao acolhimento, resolutividade do trabalho, estrutura física, equipe completa, saúde bucal e na escola, atendimento a idosos e gestantes, crianças e pessoas com doenças crônicas como diabetes e hipertensão entre outros. “As outras equipes vão fazer jus a esta gratificação após serem avaliadas pelo Ministério da Saúde através do Programa Nacional de Melhoria e Acesso e Qualidade”, enfatiza Furbino.