Você está em:
IMPRIMIR

Pimentel poderá ser multado em R$ 1,05 milhão em ação de improbidade, informa Estadão

8 de Maio de 2017

O governador Fernando Pimentel (PT) poderá ser punido com multa de R$ 1,05 milhão caso o Ministério Público Federal (MPF-DF) decida propor ação de improbidade contra o petista. O montante equivale a 100 vezes o salário recebido por ele no governo, informa “Coluna Estadão” (leia abaixo).

Segundo o jornal Globo, existem contra o governador três denúncias no STJ. Ele poderá virar réu em duas delas por lavagem de dinheiro e corrupção passiva em processos relacionados à Operação Acrônimo.

Fernando Pimentel é investigado também por suposta participação no esquema de desvio de dinheiro do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) na época em que comandava o Ministério do Desenvolvimento.

Outra denúncia que pesa sobre o petista são as suspeitas de um convênio ilegal firmado em 2004 entre a prefeitura de Belo Horizonte e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Polícia Militar (PM) para implantação de câmeras de segurança na cidade. Na ocasião, Pimentel era prefeito da capital.

Confira abaixo nota publicada na “Coluna Estadão”

coluna

 

pimentel-estadao