fotos
Você está em:
IMPRIMIR

Pimenta anuncia programa “Minas Educa Mais”

29 de agosto de 2014

Em visita ao Sul do Estado, candidato disse que iniciativa tem como meta a valorização do educador e a ampliação do ensino integral e profissionalizante

Em visita ao Sul do Estado, candidato disse que iniciativa tem como meta a valorização do educador e a ampliação do ensino integral e profissionalizante

A adoção de um novo modelo de gestão para o setor da educação estadual é o grande pilar do programa de governo de Pimenta da Veiga, para fazer com que a rede de ensino de Minas, que já possui qualidade atestada pelo próprio governo federal, possa avançar ainda mais. Em visita à cidade de Itajubá, no Sul do Estado, nesta sexta-feira (29/08), Pimenta anunciou o Programa Minas Educa Mais, que ele vai implantar no Estado, caso eleito governador do estado. O programa atuará em três vertentes: valorização dos professores, ampliação da rede de ensino integral e a expansão do ensino profissionalizante.

Pimenta da Veiga lembra que a criação do Programa Minas Educa Mais visa reforçar a política remuneratória já praticada pelo Governo de Minas Gerais, que fizeram com que o Estado obtivesse um nível de excelência no ensino público. Desde 2011, o Estado paga valor superior ao estabelecido pelo Ministério da Educação. “O piso em Minas está, proporcionalmente, 42,93% acima do estabelecido pelo MEC para uma jornada de 40 horas semanais. Mas nós queremos valorizar ainda mais o nosso magistério”, afirma o candidato a governador, que sempre repete ter orgulho de ser filho de professores.

“Vamos fazer um grande programa, uma revolução na educação a partir do programa Minas Educa Mais. Nosso objetivo é aumentar a remuneração inicial dos professores das escolas estaduais. Vamos, em parceria com os professores, criar condições para requalificação do educador, para promoção automática daqueles que concluírem o mestrado ou doutorado. E vamos criar –com opção do professor – condições para que ele possa optar pelo trabalho integral em uma só escola”, disse Pimenta, que assegurou, ainda, a ampliação da oferta de vagas de ensino profissionalizante nas escolas estaduais.

Pimenta disse que vai reforçar o Programa de Educação Profissional (PEP), iniciativa do Governo de Minas que oferece mais de 15 mil vagas de cursos profissionalizantes no Estado. Ele também destacou a eficiência do programa Reinventando o Ensino Médio, que beneficia cerca de 36 mil alunos em 250 escolas da região Sul, e reafirmou seu compromisso de levar o ensino integral a todas as escolas da rede estadual. “Nos primeiros dias de governo vou mandar um projeto de lei para a Assembleia Legislativa para que todas as escolas construídas em Minas estejam preparadas para o ensino integral. A nossa prioridade é a educação”, afirmou.

Pimenta também esteve em Pouso Alegre nesta sexta-feira, onde, além de apresentar suas propostas para a educação, destacou os êxitos obtidos em Minas nos últimos anos. “Os governos de Aécio Neves e Antonio Anastasia foram um divisor de águas na educação mineira”, afirmou. Como resultado desse modelo de gestão, Minas possui atualmente a melhor educação básica do Brasil nos anos iniciais do ensino fundamental, segundo avaliação do próprio Ministério da Educação. “Não são apenas índices e avaliações, são melhorias efetivas, que transformam a vida dos estudantes mineiros”, afirmou o candidato.

Desenvolvimento regional

Pouso Alegre_MG, 29 de agosto de 2014 PSDB O candidatos ao Governo do Estado pela coligacao Todos por Minas, Pimenta da Veiga, durante caminhada pela parte central da cidade. Foto: LEO LARA

A passagem de Pimenta pelo Sul de Minas reuniu milhares de apoiadores. Em Pouso Alegre, ao lado de lideranças políticas da região, ele participou de carreata e caminhada nas ruas da cidade. O candidato também apresentou propostas para estimular o desenvolvimento regional. “Nós queremos fazer com que todas as regiões tenham desenvolvimento. Minas é múltipla, talvez o Estado com maior diversidade do Brasil. Vamos procurar equilibrar as regiões e a melhor maneira de fazer isso é aproveitar as riquezas, tanto da produção agrícola quanto mineral, e processá-las em Minas. Além disso, queremos desenvolver indústrias de alta tecnologia, atividades de alta tecnologia”, disse.

Em Itajubá, Pimenta foi recebido com entusiasmo por eleitores e lideranças políticas locais. Cerca de 300 pessoas caminharam ao lado do candidato pela Rua Nova, centro comercial do município. Ele destacou melhorias que serão promovidas na área de inovação. “Minas só vai conseguir se destacar definitivamente no processo econômico, seja na produção e na comercialização, se tiver a capacidade de criar, de inovar. A nossa dedicação se voltará à inovação. A região Sul representa o principal polo de inovação de Minas. Por isso, nós vamos dedicar uma enorme atenção aqui, para que Minas possa se consagrar como o Estado da inovação”, concluiu.