Você está em:
IMPRIMIR

Parceria entre Prefeitura de Guaxupé e UFMG faz novo mutirão de pequenas cirurgias e atende mais 150 pessoas

5 de junho de 2017

Equipe de profissionais responsáveis pelo mutirão

Equipe de profissionais responsáveis pelo mutirão

selogestaotucana

Pela segunda vez o município de Guaxupé, no Sudoeste de Minas, recebeu quase 30 alunos do curso de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em uma parceria inédita com a Prefeitura. Os atendimentos, que aconteceram no Centro de Diagnóstico Enfermeiro Pio Damião, no último fim de semana (03 e 04 de junho), contaram com mais de 150 procedimentos realizados, todos acompanhados pelos professores cirurgiões, coordenadoria do projeto “Liga de Cirurgias” e equipe da Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Elina Costa, esta parceria entre Prefeitura de Guaxupé e Universidade Federal de MG deu certo e tem gerado excelentes resultados: “Esta é a segunda vez neste ano que recebemos os estudantes de Medicina da UFMG em nossa cidade. Com a realização de mais de 150 procedimentos, como foi desta última vez, praticamente zeramos a fila de pequenas cirurgias. Os pacientes que foram atendidos em março deste ano apresentaram excelentes resultados de recuperação. Isso mostra a qualidade dos procedimentos”, afirmou.

Para a coordenadora do projeto, Dra. Beatriz Deotti, esta parceria entre Prefeitura e Universidade é uma ação em que todos ganham: “Não podemos ficar restritos somente em nossa região na grande Belo Horizonte. Temos que expandir nossos atendimentos e colaborar com cidades que nos dão esta oportunidade, como é o caso de Guaxupé. Desde o início fomos bem recebidos e as condições que aqui nos são dadas, permitem o atendimento de um número expressivo de pacientes. Todos ganham! A Prefeitura por conseguir realizar as pequenas cirurgias e atender uma demanda, os alunos e Universidade por experiência e os pacientes, os quais atendemos com tanto carinho”, explicou.

O prefeito, que assim como no primeiro mutirão, fez questão de acompanhar os trabalhos, falou sobre a parceria, especialmente pela dedicação dos universitários e o comprometimento que todos tem pela saúde: “Devo agradecer todos os professores e alunos, os residentes, a equipe do Centro de Diagnóstico Pio Damião, especialmente a Lara Minchillo, que foi a idealizadora desta parceria. Posso ver o quanto são dedicados à saúde de um modo geral. Pessoas que não medem esforços para a realização destas pequenas cirurgias. Estão dispostos a atender os pacientes, através de seus conhecimentos, com a supervisão e orientação dos professores cirurgiões e médicos residentes”, disse Jarbas Correa Filho, o Jarbinhas (PSDB).