Você está em:
IMPRIMIR

Grupo de trabalho definirá bandeiras do PSDB-Mulher para as eleições deste ano

10 de março de 2020

O PSDB-Mulher instituiu um grupo de trabalho para definir suas bandeiras nas eleições municipais deste ano. Coordenado pela presidente de honra do Secretariado, Solange Jurema, o grupo já teve sua primeira reunião, no dia 04/03.

Solange antecipou alguns pontos que deverão nortear esse debate. Segundo ela, a luta pela igualdade entre homens e mulheres está entre as prioridades do segmento. “Essa bandeira deve nortear nossas candidatas nas próximas eleições. A desigualdade é terrível no nosso país. E traz tantas consequências ruins, inclusive a questão da segurança”, pontuou.

Para Solange, a desigualdade deve começar a ser combatida pelas bases.“E você começa a combater a desigualdade exatamente nas cidades, que é onde nós vivemos. Portanto, as nossas prefeitas e as nossas vereadoras têm que começar com esse olhar. E isso é muito importante numa campanha. Porque uma das coisas que agrava a desigualdade é a falta de participação das mulheres nos espaços de poder, nos espaços de decisão”, ressaltou.

Desigualdade de gênero
De acordo com a estimativa do Fórum Econômico Mundial, a desigualdade de gênero entre homens e mulheres vai demorar pelo menos 59 anos para desaparecer na América Latina, e no Brasil pode ser necessário ainda mais tempo.

O “Relatório Mundial sobre a Desigualdade de Gênero 2020” aponta que o Brasil tem uma das maiores desigualdades de gênero da América Latina, ocupando o 22º entre 25 países da região. As maiores disparidades são verificadas na participação política e nos salários.

Políticas Públicas para famílias
Solange Jurema também defendeu a inclusão das políticas públicas que atendam toda a família, desde o bebê ao idoso. “Temos de ter um olhar especial para isso. Se uma criança, em sua primeira infância, não tem uma creche segura para ficar, não tem uma boa alimentação, não terá as mesmas oportunidades no futuro que outra criança que teve todo o suporte quando pequeno. A juventude precisa de oportunidade e de áreas de lazer. Os idosos, por sua vez, necessitam de atendimento de qualidade na área da saúde”, destacou.

A ideia é que essas bandeiras sejam apresentadas publicamente à sociedade durante Encontro Nacional do PSDB-Mulher, previsto para o dia 15 de maio, quando o segmento completará 21 anos de criação.