Você está em:
IMPRIMIR

Após 43 anos, Minas Gerais volta ao comando do Senado

10 de maio de 2019

Depois de 43 anos, Minas Gerais voltará a ocupar novamente a Presidência do Senado, ainda que interinamente.

Com a viagem oficial que fará ao exterior na próxima semana, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) passará a presidência da Casa ao seu vice, o senador mineiro Antonio Anastasia.

O último parlamentar a ocupar o posto foi Magalhães Pinto, entre 1975 e 1976, ainda durante a ditadura militar. Com isso, Anastasia será o primeiro mineiro, desde a redemocratização, a voltar ocupar oficialmente o posto.  A última vez que Minas Gerais ocupou a 1ª vice-presidência do Senado foi em 1967 com Nogueira da Gama.

Fonte: jornal O Tempo