Prefeito pede auditoria e não autoriza reajuste do transporte municipal de Fabriciano

30 de Abril de 2016

O prefeito de Coronel Fabriciano, Dr. Marcos Vinicius, determinou uma auditoria para analisar as planilhas apresentadas pelo consórcio Fabri Fácil, responsável pelo transporte coletivo de passageiros no município.

O consórcio solicitou no final do ano passado reajuste de 14% nas passagens municipais, passando de R$ 3,80 para R$ 4,30. Nessa quinta-feira, 4, o chefe do executivo reafirmou que não autorizará o reajuste. Atualmente, a frota do transporte coletivo de Fabriciano é de 34 ônibus e para que todos os custos apresentados para manutenção destes veículos sejam comprovados será feita uma auditoria externa. “Eles alegam que estão tendo um custo mais alto do que haviam programado, mas ao mesmo tempo entregaram planilhas mostrando o contrário e nós não vamos aceitar isso. Quero também pedir a troca destes veículos que realizam o serviço na cidade, e vamos providenciar equipamentos que comprovem a média de passageiros e onde estes ônibus estão circulando para acompanhar a qualidade do serviço que está sendo oferecido”, declarou.

Justificativa

Segundo o prefeito, o custo da tarifa que as concessionárias praticam tem como base o número de passageiros como custo do sistema que já estaria acima do praticado pelo mercado. “O Km rodado deveria ser de R$ 6,38, mas hoje a empresa já pratica um valor de mais de R$ 7,00 por km rodado, com um lucro de cerca de R$ 0,70 por km. Então precisamos analisar estes números oferecidos pela concessionária para que haja redução do valor e não aumento das passagens” disse.

Em 2016, foram dois reajustes no valor das tarifas. Em fevereiro aumentou de R$ 3,00, para R$ 3,40 e já no final de 2016 foi concedido um reajuste de 11,8%, passando de R$ 3,40, para R$ 3,80. “Eu quero discutir com a concessionaria do transporte coletivo o que houve de benefício para o cidadão de Fabriciano com este aumento abusivo do ano passado. Não concordamos com este reajuste e precisamos discutir na verdade as melhorias do serviço como: atendimento às partes altas, mais linhas de ônibus, acessibilidade, segurança e mais conforto no serviço oferecido para nossa população”, finalizou.